Alutal Measure & Trust
Wiki Alutal

14 - Erros comuns de ligação

Erros produzidos pela inversão de fios e cabos de extensão e compensação ou a utilização de tipos de cabos incorretos.

Usando fio/cabo de cobre

Geralmente, na aplicação industrial, é necessário que o Termopar e o instrumento encontrem-se relativamente afastados, por não convir que o aparelho esteja demasiadamente próximo ao local onde se mede a temperatura.

Nesta circunstância, deve-se processar a ligação entre os terminais do cabeçote e o aparelho, através de fios, de extensão ou compensação.

Tal procedimento é executado sem problema desde que o cabeçote, onde estão os terminais do Termopar e o registrador, esteja à mesma temperatura de medição.


Vejamos o que acontece quando esta norma não é obedecida.



Uma solução, normalmente usada, será a inserção de fios/cabos de extensão/compensação entre o cabeçote e o registrador. Estes, em síntese, nada mais são que outros Termopares, cuja função é compensar a queda da f.e.m., que aconteceu no caso estudado, ocasionada pela diferença de temperatura entre o cabe­çote e o registrador.


Vejamos o que acontece se, no exemplo anterior, ao invés de cobre usarmos um fio/cabo adequado.

A figura mostra de que maneira se processa a instalação.




Inversão Simples

Conforme o esquema a seguir, os fios de compensação foram invertidos.

Assume-se que o forno esteja a 536°C, o cabeçote a 38°C e o registrador 24°C. Devido à diferença de temperatura entre o cabeçote e o registrador, será gerada uma f.e.m. de 0,569 mV. Porém em virtude da simples inversão, o fio positivo está ligado no borne negativo do registrador e vice-versa. Isto fará com que a f.e.m. produzida ao longo do circuito oponha-se àquela do circuito de compensação automática do registrador, fazendo com que este registrador indique uma temperatura negativa.




Inversão Dupla
No caso a seguir, consideramos a existência de uma dupla inversão, isto acontece com frequência, pois, quando uma simples inversão é constatada, é comum pensar que uma nova troca de ligação dos terminais compensará o erro. Porém, isto não acontece, e a única maneira de solucionar o problema será efetuar uma ligação correta.



Erro por formação de nova junta fria

Como visto em outros tópicos, o termopar possui uma junta de medida, também chamada de junta quente e outra chamada junta de referência ou junta fria. Ao longo do termopar e do cabo de ligação, os condutores devem estar isolados entre si até chegar na junta de referência, pois, a medida registrada no leitor, será o gradiente de temperatura entre a junta quente e a junta fria, caso em algum ponto dos condutores houver uma outra junta, haverá mudança na referência, o que provocará erro na leitura.

Vea la línea completa de termopares de temperatura Alutal Accede a página exclusiva sobre termocuplas

Vea ahora cómo nuestros productos pueden impactar directamente su operación:

¿Cuánto cuesta calentar tu proceso 1º C?

Le ayudaremos a ahorrar gracias a nuestra precisión, haga clic en el botón a continuación, acceda a nuestra calculadora y vea cuánto contribuirán nuestros productos a su negocio.

acceder a la calculadora
Descubra cuánto dinero puede ahorrar utilizando Magnetrol® GWR

Nuestra precisión contribuirá directamente al ahorro en sus procesos. Calcule a continuación cuánto ahorro generará utilizando Magnetrol® GWR

acceder a la calculadora
Habla con un experto
Nuestros expertos le ayudarán en su proceso de control.

Tal como lo hemos hecho con innumerables empresas de diferentes partes del mundo

Habla con un experto
Houve uma falha no envio Envio realizado com sucesso